segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

DESIGN PORTUGUÊS VIAJA ATÉ MADRID




Depois do sucesso obtido em Lisboa, a exposição “Design Português. Formas de uma Identidade” desloca-se agora até Madrid. Durante a feira internacional de arte contemporânea ARCO, que estará patente ao público entre 24 de fevereiro e 27 de março na Central de Diseno (DIMAD), o MUDE apresentará cerca de 70 peças de design da autoria de 44 autores Portugueses: Álvaro Siza Vieira, Daciano da Costa, Eduardo Souto Moura, Estúdio Pedrita, Fernando Brízio, Fernando Távora, Filipe Alarcão, Henrique Ralheta, Marco Sousa Santos, Miguel Rios, Miguel Vieira Baptista, Pedro Silva Dias, Pedro Sottomayor, Raul Lino, entre outros.

Esta mostra, com curadoria de Bárbara Coutinho, apresenta as mais notáveis tendências do design português ao longo dos últimos 60 anos, todas elas enquadradas no contexto cultural português. Em destaque estarão três temas principais: “O Predomínio da Forma sobre o Ornamento”; “Inteligência Prática” e “Entre o Popular e o Erudito”.

“O Predomínio da Forma sobre o Ornamento” mostra uma abordagem racionalista através da qual os designers procuram reduzir as peças à sua essência. Nelas prevalece a simplicidade da forma e dos recursos utilizados. O segundo tema, “Inteligência Prática” ocupa-se da sensibilidade dos materiais e do papel essencial das técnicas no design. A referência ao tradicional prevalece no âmbito do tema “Entre o Popular e o Erudito”, que consiste na reinterpretação de técnicas artesanais, costumes tradicionais e rituais.

Sem comentários: