domingo, 13 de março de 2011

OS BURGUESES | LAB


COLECÇÃO INVERNO 2012

DOWNLOAD PRESS RELEASE >



EM CONVERSA COM PEDRO ELEUTÉRIO E MIA LOURENÇO

Daily ModaLisboa - Qual a importância da ModaLisboa para a divulgação e desenvolvimento do trabalho dos Criadores de Moda Portugueses, ao longo dos últimos 20 anos?
Os Burgueses - A ModaLisboa, ao longo de 20 anos, tem-se apresentado como uma grande plataforma de divulgação da moda nacional que sempre primou por um trabalho de excelência em toda a sua construção. Os criadores de moda têm usufruido, ao longo destes anos, das ferramentas base para poderem desenvolver melhor o seu trabalho, numa área tão precária como a do mercado de moda nacional, onde o reconhecimento é ainda uma matéria muito frágil.

Que mensagem gostariam de deixar à ModaLisboa neste 20º aniversário?
“Parabéns a vocês nesta data querida muitas felicidades e muitos anos de vida”.

O que representa para “Os Burgueses” apresentar na ModaLisboa?
Tendo a dupla sido criada em Setembro de 2009, integrar o calendário da ModaLisboa em tão curto espaço de tempo representa para OS BURGUESES um grande prestígio e um reconhecimento por parte dos nossos pares num trabalho que sempre desenvolvemos com grande convicção e entrega total ao que mais amamos: a moda e a arte.

Falem-nos um pouco da colecção que vão apresentar.
OS BURGUESES apresentam o quarto acto da sua ópera urbana “A Saga de Jane Doe”. Com o subtítulo de “Inverno Nuclear” contamos a história de Jane no momento de regresso à sua terra de origem. Os Homens-Máquina invadiram a cidade e pretendem apagar o passado substituindo-o por um futuro desenhado do zero. Na colecção/performance reflectimos sobre a necessidade de preservar e recordar os passos que nos moldam o futuro. Quem somos não fomos sozinhos. Construída tendo por base o jogo de contrastes – justo vs. oversize e estruturado vs. drapeado – explorámos detalhes como construções em leques, cortes à faca, punhos franceses e a desconstrução do vestuário. A colecção tem inspiração num estilo urbano requintado, presente num universo onde as mulheres são as actrizes e a cidade o grande palco.



DESFILE



Sem comentários: