sábado, 12 de março de 2011

ALEKSANDAR PROTIC


COLECÇÃO INVERNO 2012

DOWNLOAD PRESS RELEASE >



EM CONVERSA COM ALEKSANDAR PROTIC

Daily ModaLisboa - Qual a importância da ModaLisboa para a divulgação e desenvolvimento do trabalho dos Criadores de Moda Portugueses, ao longo dos últimos 20 anos?
Aleksandar Protic - Sempre achei muito bom o conceito da ModaLisboa e a forma como divulga o trabalho dos Criadores Portugueses. A ModaLisboa é uma plataforma perfeita para dar a conhecer as criações dos designers e como tal, ao mesmo tempo, ajuda a desenvolvê-las, desenvolvimento esse que depende também de cada criador e de muitos outros factores.


- De todas as edições da ModaLisboa em que participou, destaque:

- A edição mais memorável?
A mais memorável para mim foi aquela onde apresentei a minha primeira colecção em Portugal - a 18ª edição.

- O melhor tema?
Acho que foi o da última edição, In the Market, por acontecer no Mercado da Ribeira, um espaço que gosto muito, e por ter outro significado para a moda que se faz por cá, no sentido da comercialização do trabalho dos designers que apresentam as suas colecções na ModaLisboa.

- O melhor local?
O Armazém Terlis, onde apresentei a minha primeira colecção.

- A melhor passerelle?
Tenho que dizer que foi no mesmo armazém, no espaço LAB, onde tinha cadeiras que pude organizar à minha maneira, em forma de 8, e apenas algumas luzes. Fez-me lembrar os grandes armazéns onde aconteciam grandes raves em Belgrado, onde passei minha adolescência.

- A melhor colecção que apresentou?
Quando trabalho numa colecção espero sempre que fique melhor do que a anterior. Tenho partes de várias colecções de que gosto muito.


- Que mensagem gostaria de deixar à ModaLisboa neste 20º aniversário?
Até agora participei em quase metade destas 36 edições, desde o ano 2002, e pude ver o quanto a ModaLisboa cresceu e como ganhou muita mais força. Desejo que não percam essa força, que ganhem ainda mais da mesma, e que continuem com o bom trabalho junto connosco, criadores, que a cada edição tentamos mostrar que aquilo que fazemos devia fazer parte da moda global.

- Fale-nos um pouco da colecção que vai apresentar nesta edição comemorativa.
Há várias edições atrás deixei de saltar de uma ideia para a outra em cada estação. Senti que essa forma de trabalhar era desgastante e depois de cada colecção ficava com a sensação que não fiz tudo o que queria e que não levei ideia até ao fim. Por isso, abrandei um pouco e comecei a trabalhar cada colecção a partir das ideias da colecção anterior, ideias que não tiveram espaço para serem desenvolvidas. São pequenos detalhes de uma colecção que dão início à próxima. Foi o caso desta colecção para o Inverno 2012. Esta é a parte técnica, da outra parte não vou falar, porque essa deixo sempre para o público ver, sentir e dar a sua opinião.



DESFILE




1 comentário:

Anónimo disse...

Elegante, sublime e fruto de um enorme perfeccionismo e trabalho. O teu trabalho é uma jóia rara de verdadeiro bom gosto. Parabéns. Luís Guerra