domingo, 9 de outubro de 2011

MIGUEL VIEIRA

COLECÇÃO VERÃO 2012

EM CONVERSA COM MIGUEL VIEIRA

Daily ModaLisboa - Ser designer de moda em Portugal é um desafio? Porquê?
Miguel Vieira - Todas as profissões, no meu entender, são desafiantes, umas mais do que outras. Sem desafio, na minha opinião, as profissões perdem a adrenalina.
Na minha área como designer de moda, é um grande desafio em várias vertentes. No que diz respeito a Portugal, devido à sua pequena dimensão. E consequentemente tudo se torna difícil, tanto na área industrial como na área comercial. Depois devido também à mentalidade dos portugueses, que não cultivam a essência do patriotismo, não consumido o que é português, tendo sempre como base de que o que é estrangeiro é que bom. Enganam-se !!!

- Defina o seu trabalho em 5 palavras a partir de ideias, pessoas, lugares, objectos ou adjectivos.
Viagens / Fabricado em Portugal / Paixão pelo que faço / Equipa / Acreditar.

- Na sua opinião, quais as peças must-have que não podem faltar no guarda-roupa de uma mulher? E no guarda-roupa masculino?
Mulheres: Smoking preto; vestido básico preto; sapatos rasos e sapatos de salto alto; jeans; camisa branca; carteira
Homem: Fato preto; smoking; camisa branca; camisola de caxemira; ténis; sapatos de atacadores; gravata; jeans.
De salientar que o mais importante é que todas as peças sejam básicas, mas onde a qualidade no que diz respeito aos materiais, impere.

- O que é mais importante para si no momento em que a sua colecção sobe à passerelle?
Que toda a equipa esteja em sintonia e coordenada.

- Quais as suas propostas para a Primavera/Verão 2012?
A colecção “LISBOA – CAPRI”. Lisboa ficou para trás... Ao longe, da proa do seu veleiro, avistam-se as falésias de Capri... Na marina, os barcos alinham-se e completam a paisagem paradisíaca.
Ele, aventureiro de luxo e de carisma inato, tanto celebra a opulência e a vida citadina como a sua liberdade em qualquer lugar do mundo. O Mediterrâneo seria o cenário perfeito.
A mulher, intensa e delicada, celebra a liberdade, a sensualidade e a sua própria beleza natural, tornando o clima tipicamente mediterrâneo num cenário cinematográfico que seria o mote perfeito para que dois destinos opostos se reencontrassem...
No final, as memórias de um Verão para sempre guardadas..



DESFILE

Sem comentários: