segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

NAOMI CAMPBELL MAIS PROVOCADORA QUE NUNCA NA CAMPANHA DA AGENT PROVOCATEUR




"Devemos estar dispostos a deixar-nos levar pelo mundo abstrato. Devemos querer perder-nos nele ..." Com esta intrigante citação de David Lynch, revela-se o conceito da campanha primavera/verão 2015 da marca Agent Provocateur, protagonizada por Naomi Campbell. Uma história de intriga e suspense que combina referências do inquietante filme “Lost Highway”, de David Lynch, com o suspense de “Body Double” de Brian de Palma.

O crime perfeito é interpretado com dramatismo através da câmara de Ellen Von Unwerth. "Sempre gostei da Agent Provocateur e foi muito emocionante fotografar esta campanha", diz a fotógrafa alemã. "A lingerie Agent Provocateur é muito poderosa, muito sensual, não precisa de mais nada, exceto uns saltos altíssimos. Eu adoro fotografar mulheres seguras que gostam de ser sexy e sabem o que querem".

Ellen Von Unwerth define Naomi como uma verdadeira diva e explica que "a inspiração geral das fotografias provém dos cartazes dos filmes dos anos 50 e 60”. Naomi Campbell esconde-se sob uma irresistível beleza para “cometer os seus crimes” sem levantar suspeitas. "A sensualidade nasce do interior" assegura a modelo que firma que se pudesse ser uma heroína de David Lynch, seria Sheryl Lee.

A diretora criativa da Agent Provocateur, Sarah Shotton, conta: "quando fizemos o casting para a campanha primavera/verão 2015, sabíamos que queríamos trabalhar com uma equipa de mulheres poderosas. Naomi e Ellen eram perfeitas para isso, já que ambas têm personalidades fortes e uma identidade individual que funciona muito bem em conjunto. "Escolhemos Ellen porque a sua estética reflete perfeitamente o conceito de sensualidade e mistério que queríamos transmitir na campanha e Naomi encaixava perfeitamente na história. Naomi é a última mulher Agent Provocateur. Bonita e confiante, é uma femme fatale natural."




Sem comentários: