terça-feira, 6 de janeiro de 2009

JOHN GALLIANO RECEBE LEGIÃO DE HONRA DE FRANÇA

John Galliano não poderia começar melhor o ano de 2009. O presidente francês, Nicolás Sarkozy, condecorou o director criativo da casa Christian Dior com a Legião de Honra de França. Entre muitas outras personalidades, foram também distinguidas as actrizes Isabelle Huppert e Nathalie Baye, o cantor Alain Bashung e o futebolista Zinedine Zidane.

John Galliano integra, assim, a lista de designers cujo trabalho foi reconhecido com a mais alta condecoração francesa, como Giorgio Armani, Valentino, Sonia Rykiel, Azzedine Alaia ou Yves Saint Laurent. John Galliano assumiu a direcção artística da Givenchy em 1995, e mudou-se no ano seguinte para a Christian Dior, onde tem vestido mulheres tão importantes como a actual primeira-dama francesa, Carla Bruni. Paralelamente, continua a desenvolver a sua própria marca, John Galliano, lançada em 1984. Admirador de grandes costureiros como Madeleine Vionnet e Paul Poiret, é também ele mestre no corte e na confecção das suas criações, que são sempre um acontecimento em passerelle. Criativo, visionário, surpreendente, mediático e teatral, conjuga referências históricas com técnicas e materiais extremamente modernos.

Além de distinguir o trabalho notável que o criador inglês tem desenvolvido para a importante casa de moda francesa, esta condecoração presta também homenagem a um criador que demonstra a sua admiração por França desde o início da sua carreira, já que a primeira colecção de Galliano (com a qual se licenciou em 1983 pela Central Saint Martins School de Londres) foi inspirada na Revolução Francesa. John Galliano soma a Legião de Honra aos prémios de Designer Britânico do Ano, que ganhou em 1987, 1994 e 1995, e que em 1997 partilhou com Alexander McQueen, seu sucessor na direcção criativa da Givenchy.

Depois da condecoração de Giorgio Armani e Sonia Rykiel em Julho de 2008, França continua a distinguir os mais notáveis criadores de moda em 2009.

Sem comentários: