segunda-feira, 6 de abril de 2009

JIL SANDER ESTÁ DE VOLTA

Jil Sander tornou-se reconhecida internacionalmente na década de 1990, pelas suas criações minimalistas monocromáticas em tecidos luxuosos. Depois de cinco anos de afastamento, a criadora alemã decide regressar ao mundo da moda, não para reassumir a direcção criativa da firma que leva o seu nome, agora a cargo de Raf Simons, mas para ser consultora de design da Uniqlo, a marca japonesa que causa furor entre os jovens de meio mundo.

Jil Sander supervisionará as colecções de homem e senhora e a linha de acessórios da Uniqlo, e desenhará uma nova linha de estilo minimalista, que caracteriza tanto as suas próprias criações como o design nipónico. Prevê-se que os preços desta nova colecção, a ser lançada no próximo Outono, sejam similares aos da Uniqlo, que se equiparam aos da H&M, uma notícia que decerto agradará aos fãs da criadora alemã.

“Estou em Tóquio para fazer algo completamente diferente. O desafio para mim é alcançar uma qualidade premium numa faixa de preços democratizados”, declarou Jil Sander.

A Uniqlo já colaborou anteriormente com criadores como Phillip Lim e Alexander Wang no desenvolvimento de pequenas colecções, mas desta vez a colaboração vai mais além, com Jil Sander a assumir as rédeas da direcção criativa, embora não venha a beneficiar oficialmente do título de directora artística.

Jil Sander vendeu 75% da sua firma ao grupo Prada em 1999 e abandonou a sua direcção criativa em 2005, devido a desentendimentos com Patricio Bertelli. Jil Sander era demasiado perfeccionista para Bertelli, que estava mais orientado para alcançar benefícios. A criadora alemã manteve-se low profile desde então, mas actualmente o seu destino parece passar pelo Japão. Em Outubro de 2008, a casa Jil Sander foi comprada pela empresa japonesa Onward Holdings e agora chega a notícia da Uniqlo. Fica a pergunta: Este regresso de Jil Sander poderá significar que a voltaremos a ver à frente da sua marca?

Sem comentários: