quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

MOMA APRESENTA “THE NEW TYPOGRAPHY”

No design gráfico, "a essência é dar ordem às informações, formas às ideias, expressões e sentimentos a artefactos que documentam a experiência humana" (Meggs, Philip B., 'A history of graphic design'. New York: Van Nostrand Reinhold, 1983)

“The New Typography” é o título da exposição de materiais gráficos provenientes da Rússia Soviética, Alemanha, Holanda e Checoslováquia das décadas de 1920 e 1930, que está patente até 12 de Julho no MoMA de Nova Iorque.

Nos anos 1920 e 1930, o movimento então chamado “New Typography” trouxe o design gráfico e comunicação para a dianteira da vanguarda artística na Europa Central. Rejeitando o tradicional arranjo em colunas simétricas, os designers modernistas organizaram uma página impressa ou cartaz como um campo em branco, dispondo blocos de texto, símbolos e ilustração (frequentemente fotomontagem) em composições harmoniosas e assimétricas.

Inspirado em tendências gráficas da Rússia Soviética e na Bauhaus, o designer Jan Tschichold codificou o movimento com linhas directrizes no seu livro “Die Neue Typographie" (1928). Rapidamente, tipógrafos e impressores adoptaram esta forma de trabalhar para desenvolver uma grande variedade de materiais impressos, de cartões de visita e brochuras a revistas, livros e anúncios.

A instalação “The New Typography” inclui posters e trabalhos de pequena escala da opulenta colecção do MoMA de materiais gráficos, assim como peças da colecção própria de Jan Tschichold.

The Museum of Modern Art
11 West 53 Street New York, NY 10019

Sem comentários: