sexta-feira, 16 de maio de 2014

JULIE DE LIBRAN É A NOVA DIRETORA CRIATIVA DE SONIA RYKIEL

Julie de Libran é a nova diretora criativa de Sonia Rykiel, sucedendo, assim, a Geraldo da Conceição. A primeira coleção assinada pela designer francesa para a casa parisiense será apresentada em setembro, na Semana de Moda de Paris.

Em janeiro passado, Julie de Libran deixou o seu posto na Louis Vuitton, onde estava desde 2008. A designer era o braço direito de Marc Jacobs e considerada favorita à sua sucessão, antes da chegada de Nicolas Ghesquière. Antes disso, já tinha passado pelas casas Versace, Dior e Prada.

Julie de Libran junta-se agora à equipa da Sonia Rykiel com “um sentimento de orgulho e profundo respeito".


SONIA RYKIEL nasceu em Paris, França. As suas primeiras criações surgiram em 1962, quando estava grávida e sentiu necessidade de conceber o seu próprio vestuário em malha. Deste ímpeto criativo resultaram duas peças que viriam a marcar a sua carreira enquanto designer de moda: um vestido de grávida e uma camisola, ambos em malha.

Os dados estavam lançados. Em 1968, a criadora abriu a sua primeira loja e as malhas foram, desde o início, a sua imagem de marca. A sua predileção por este método criativo levou a que a apelidassem de “Rainha das Malhas”.

Nathalie Rykiel, sua filha, entrou no universo da marca em 1975, desfilando as suas coleções. Fascinada pelo potencial da marca, decidiu imbuir-se completamente nos negócios da mãe, assumindo inicialmente a direção comercial e em 1995 a direção artística da casa. Em setembro de 2011 foi sucedida por Abril de Crichton, que permaneceu no cargo apenas um ano. Em 2012, a casa de moda francesa anunciou a nomeação de Geraldo da Conceição, que cessa agora as suas funções para dar o lugar a Julie de Libran.

Sem comentários: