terça-feira, 10 de novembro de 2009

TAPEÇARIAS TAKASHI MURAKAMI PARA LOUIS VUITTON

Em Janeiro de 2010, a casa Louis Vuitton nos Champs-Elysées, em Paris, irá expor “Flowerball” e “Pink Time”, duas tapeçarias bordadas à mão criadas em colaboração com o artista japonês Takashi Murakami.

Numerados e assinados pelo próprio artista, “Flowerball” e “Pink Time” foram feitos com lã neozelandeza da mais alta qualidade e são produzidos em dois tamanhos - 2 e 3 metros de diâmetro para o tapete redondo “Flowerball” e 2x2 ou 3x3 metros para o quadrado “Pink Time” - numa edição limitada de vinte unidades de cada.

Verdadeiras obras de arte de coleccionador, “Flowerball” e “Pink Time” são criados à mão, e apenas por encomenda, pelos melhores artesãos da Índia, e combinam know-how, tradição, inovação, elegância e arte, valores fundamentais da Louis Vuitton. Disponíveis para venda, serão expostos em Janeiro próximo na Maison Louis Vuitton nos Champs-Elysées, logo depois da exposição individual de Murakami na Galerie Emmanuel Perrotin.

Os tapetes foram exibidos este ano no Museu Guggenheim em Bilbau (como parte da exposição retrospectiva de Murakami, © MURAKAMI), na loja da Louis Vuitton Omotesando em Tóquio e no Museu de Arte de Hong Kong (como parte da exposição «Louis Vuitton: The Passion of Creation»).



TAKASHI MURAKAMI

Takashi Murakami nasceu em Tóquio, no Japão, em 1962. Actualmente, vive e trabalha em Tóquio, Nova Iorque e Los Angeles. Depois de fazer um doutoramento em pintura Nihonga (pintura tradicional japonesa) na Universidade de Artes de Tóquio, Murakami começou a desenvolver o seu estilo característico, que combina a técnica moderna com a habilidade, a capacidade de artífice e a precisão da arte tradicional japonesa. Enquanto curador, Murakami desafia as convenções históricas e culturais. Propôs o conceito de «superflat» (superplano), interpretando a cultura moderna japonesa como um estado onde a linha entre o alto e o baixo se dilui. Em 2001, fundou a Kaikai Kiki Co., Ltd., uma empresa multi-facetada que tem como principal actividade a produção e promoção de obras de arte e a gestão e o apoio de artistas emergentes. Em 2002, a Kaikai Kiki expandiu-se mundialmente, constituindo a sua base nos EUA em Queens, Long Island, Nova Iorque e, mais recentemente, em Los Angeles, Califórnia.

“Tornar-me um exemplo vivo do potencial para a arte», esta é a força que faz mover” Takashi Murakami.


IMAGENS:
Flowerball (em cima)
Pink Time (em baixo)

Sem comentários: