terça-feira, 17 de novembro de 2009

THE VELVET UNDERGROUND EM LIVRO

O novo livro "The Velvet Underground: New York Art", de Johan Kugelberg, apresenta, pela primeira vez, documentos raros sobre os primeiros anos do grupo de art rock norte-americano formado em 1964, que na altura foi nomeado pela revista Time Out como a mais importante banda nova-iorquina de todos os tempos. Desde fotos nunca antes publicadas da primeira performance ao vivo do grupo a capas de álbuns e posters de Andy Warhol, passando por textos e pautas de música manuscritas por Lou Reed, clippings de imprensa, flyers, posters, e uma conversa gravada entre os membros fundadores Lou Reed e Maureen Tucker, este livro profusamente ilustrado, publicado pela Rizzoli, é o primeiro a apresentar uma imagem completa da génese e do desenvolvimento da banda na cidade de Nova Iorque em meados da década de 1960.

The Velvet Underground está entre os grupos de vanguarda nova-iorquinos que preencheram o vazio existente entre as artes populares e o movimento artístico do século XX. Com Andy Warhol na direcção, a banda contextualizou a arte dos anos 60 com uma mistura única de experimentação sonora, performance artística e sensibilidade pop. Com uma montagem surpreendente de obras de arte e objectos raros que documentam os anos de formação da banda, "The Velvet Underground: New York Art" não é apenas um testamento de uma das maiores bandas rock de Nova Iorque, mas também um documento visual de como a música pode influenciar a história da arte e vice-versa.

Sem comentários: