sexta-feira, 11 de novembro de 2011

CHRISTIAN LOUBOUTIN CELEBRA 20 ANOS DE CARREIRA COM O LANÇAMENTO DE UM LIVRO

Passaram 20 anos desde que Christian Louboutin lançou os seus primeiros sapatos de sola vermelha e captou parte da atenção até então centrada em Manolo Blahnik. O designer parisiense, que foi aprendiz de Charles Jourdan na década de 1980, provou ser mais do que um mestre sapateiro e alcançou um estatuto de culto entre celebridades e profissionais de moda, como testemunha o seu primeiro livro lançado pela Rizzoli.

A obra de 304 páginas evoca a arte e a teatralidade das criações de Christian Louboutin. Fotografias dos seus arquivos pessoais misturam-se com imagens inéditas, captando a sua sensibilidade artística, enquanto que uma longa entrevista revela a sua vida, viagens e inspirações.

O primeiro capítulo do livro centra-se na biografia de Louboutin, no início da sua carreira como designer, desde o seu trabalho para as casas Chanel e Yves Saint Laurent até à abertura da sua primeira loja em 1992. Os capítulos seguintes apresentam os variados e extravagantes interiores das diversas lojas de Louboutin espalhadas pelo mundo e das suas casas em Paris e no Egipto, e incluem também fotografias de backstage dos seus ateliers e workshops. O capítulo cinco foca as colaborações criativas com David Lynch, nomeadamente a exposição “Fetish” (2007), para a qual Louboutin desenhou as suas mais surreais obras de arte. O sexto e último capítulo é um catálogo do seu trabalho, com fotografias de 120 dos seus mais icónicos modelos de sapatos.

A obra reúne nomes de personalidades amigas do designer como Diane von Furstenberg, Dita von Teese, Kritin Scott Thomas, Mika, Farida Khelfa, Gareth Thomas. A introdução é assinada por John Malkovich.

Abaixo um vídeo com os melhores momentos do backstage das filmagens e fotos que envolveram a produção do livro.

Sem comentários: