terça-feira, 11 de janeiro de 2011

O NOVO TRABALHO DE CINDY SHERMAN

Entre 12 de Janeiro e 19 de Fevereiro, a galeria Sprüth Magers, em Londres, apresenta o novo trabalho da artista Cindy Sherman. Trata-se de uma série de murais fotográficos de grande formato que representam uma variedade de personagens excêntricas sobre um fundo de denso arvoredo. As personagens são a própria artista disfarçada, que combina, assim, os papéis de modelo e fotógrafa. Uma notável performer, Cindy Sherman capta com a sua câmara fotográfica as subtis distorções do seu rosto e corpo, tornando-os depois quase irreconhecíveis. Através da utilização de técnicas digitais, a artista manipula a escala de cada personagem, as suas expressões e o que as circunda.

Neste novo trabalho, intitulado Untitled (2010), Sherman substitui o tradicional formato da fotografia com moldura por grandes murais: uma mudança que reforça a diversidade da sua obra.

Desde o início da sua carreira em meados da década de 1970, Sherman tem usado frequentemente o seu próprio corpo como um instrumento, manipulando-o e disfarçando-o para criar uma série de intrigantes e provocadoras personagens. Essas figuras são muitas vezes confrontadoras e usadas para comentar temas como o sexo, a sexualidade e o papel da mulher na sociedade.




Sem comentários: